ALIMENTO DA ALMA

Imagem do Google

Alimento da alma

Permita que teu coração
Sinta os prazeres que a vida nos oferece
Deixe-o sentir a paz que emana da natureza
Como o simples cantar dos pássaros
O calor que erradia do sol ao nascer
Das cores vibrantes do arrebol
Do cheiro de terra molhada quando cai a chuva
Do frescor da brisa ao tocar tua face...
Natureza é vida, harmonia e alimento.
Permita que esses pequenos e simples prazeres
Nutrem tu'alma!

Eriem Ferrara

6 comentários:

  1. Samuel Leão22/02/2012 11:06

    lindo d+++ Eriem!!!

    ResponderExcluir
  2. Hey Eriem, gracias por me chamar a conher teu espaço poético, sucesso sempre e em poesia seguimos...

    Beijos,

    Carmen.

    ResponderExcluir
  3. Fiquei muito feliz com a tua visita...
    Vim retribuir e achei lindas poesias por aqui...
    Estou te seguindo também...

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  4. Sensibilidade, muita sensibilidade eu senti por aqui.
    Vai ser um prazer seguir.

    Bj

    ResponderExcluir
  5. belíssimas palavras eriem!
    viver em uma capital como são paulo é complicado sabia...
    já passou da hora de um encontro profundo com a natureza,uma viagem mística por este brasil tão pouco explorado!
    parabéns por este espaço!

    ResponderExcluir
  6. Amei visitar seu jardim hoje, confesso que lagrimas de alegria e felicidaes riscaram minha cutis ao contemplar doces recordações
    onde paira no ar a beleza das flores do seu coração, que estão bem plantadas a beira do caminho de nossas vidas para toda eternidade. Bjusssss
    Juloren

    ResponderExcluir


Montagem de imagens do poeta Nivaldo Ferreira, gracias amigo!